Não categorizado

Você tá deixando de fazer falta, rapaz

fa4bd3e7f0208fd15aaddb2f572e77bf

Cheguei a pensar que eu nunca esqueceria aquelas “nossas datas”, claramente eu não esqueci o inicio do namoro, porque você foi meu primeiro namorado, e cheguei a pensar que seria o último. Eu estava enganada sobre tudo.
Acontece, vez ou outra, que sonhamos com algo, e eu sonhei, sonhei alto, a mais de 3000 pés de altura, e eu cai de lá de cima. Você deu pane e me soltou, se é que um dia voou comigo… Mas o interessante, é que hoje eu nem lembro mais quando foi que nos beijamos pela primeira vez, se foi em frente a sua casa, ou na nossa primeira ida ao cinema, não me lembro de quando e qual foi a nossa primeira noite de amor, sei que ela existiu, lembro-me da intensidade, mas assim como as datas estão sumindo, assim como você sumiu da minha vida, sei que as lembranças serão apagadas com o tempo, e você será apenas um nome, uma fase que passou.

Não te desdenho, não te odeio, mas também já quase nem te quero mais. Antes da data que seria nosso aniversário de namoro chegar, eu ficava com um alerta na mente, quando alguém comentava qualquer coisa relacionada ao dia dezessete de julho, eu falava “eu e o fulano faríamos um ano de namoro nesse dia”, e me vinha aquele pesar no coração.

Sabia que um dia cheguei a imaginar que a culpa tinha sido minha? Que eu tinha estragado aquela coisa linda que, na verdade, só existia na minha cabeça. Mas já me dei conta que a culpa não foi minha, nem sua, e nem da sua ex. Por mais que eu a tenha julgado, e que eu saiba que ela falou que conversei com ela já com o intuito de brigarmos, não, eu não a culpo. Aconteceu pelo simples fato de que não tínhamos nada a ver, por mais que fossemos um casal lindo, elogiados pelas nossas famílias, nós também éramos, e somos, diferentes demais. Vamos além daquela diferença que tem que existir em relacionamentos, não temos NADA em comum, e por mais que digam que não, isso atrapalha muito!

Eu desejo a você toda a felicidade do mundo, e como já deve ter feito, me esqueça, não queira nunca vir atrás de mim, mantenha seu orgulho em dia, porque eu sei que se um dia resolver aparecer eu já vou estar numa melhor, assim como você está agora. Apenas continue seguindo a sua vida, pois agora, depois de meses de angustia, eu estou começando a traçar um novo caminho, fazer novos planos, e nesses, meu bem, não existe mais nada de você.

Por: nat

Natália Lima de Souza, 19 anos, solteira, estudante e amante de Direito, amo ler romances, mas quase nunca vivo eles, já amei sim, e ainda amo, mas agora é a mim mesma. Ariana, com ascendente em Câncer (só pra dizer que tenho amor no coração), mandona, brincalhona, sincera e posso ser a melhor amiga da sua vida, ou aquela que nem liga por ter te conhecido. Escrever é retirar da alma e colocar no papel (ou no computador no caso rs).

Comments

comments

You Might Also Like

No Comments

Comente