Diário da Vida Adulta

Diário de uma vida adulta: qual profissão seguir

Oie gente, tudo bem?

Então, quando escrevi o post de introdução as ideias fluíram muito bem, mas para escrever este post as ideias se misturam, tenho tanta coisa para contar, que não sei por onde começar. Talvez por onde tudo começou, à vontade e o medo de mudar.
Acredito que mudanças são necessárias e são as mudanças que nos tornam pessoas diferentes e melhores, a depender da escolha de mudança.

Quando tomei a decisão de fazer faculdade, não tinha a menor noção do que era e do que eu iria fazer.

Lembro-me de uma vez me perguntarem sobre a faculdade no ensino fundamental apenas disse que faria Direito, foi a primeira vez que disse sobre o curso, não tinha muita noção do que era e o que estudava, apenas tive um súbito interesse por essa área. Algum tempo depois, quando estava para iniciar o ensino médio comecei a pesquisar sobre o curso de Direito, gostei muito do curso e cada vez mais que pesquisava mais gostava da ideia.

Chegou o momento da grande decisão no último ano, muitos não sabiam o que iriam fazer, mas eu, simplesmente não tive dúvidas de que seria Direito e não mudaria de ideia.
Não mudei mesmo, o primeiro período acabou e o segundo já está perto por vir.

Sei que muitos tem dúvidas a respeito de que curso fazer, qual profissão seguir pelo resta da vida, mas uma dica que tenho a dar é: faça o que você sempre gostou, se tem uma preferencia por humanas faça algo na área como história ou sociologia, por exemplo; já se gosta de exatas, tente engenharia civil, física, dentre tantos cursos.

Uma vez ouvi uma frase que não esqueço, não me lembro de que é, mas diz mais ou menos assim: “faça o que goste, trabalhe com o que goste, porque o fim de semana são apenas dois dias e a semana cinco dias…”

No fim, o que importa é o que realmente você quer e o que te fará feliz.
A vida é curta e é melhor vivê-la plenamente e bem.

Beijos <3!

Comments

comments

You Might Also Like

No Comments

Comente