Grazi Superação

Do inferno ao céu: um texto sobre recomeços

Cada pessoa que entra nas nossas vidas e saem de maneira abrupta, levam um pedacinho de nós.

O cara dos 18 anos, levou o primeiro pedaço
E trouxe o primeiro medo,
O primeiro PT,
A primeira grande decepção.

O melhor amigo, aos 24, tirou de mim algo tão grande, que foi difícil respirar novamente,
E por longos meses, eu achei que não conseguiria,
Que ele havia levado minha alma consigo.

O senhor dos 50 anos, bom, ele tirou minha confiança,
O que eu ainda tinha bem grande em mim,
Mas ele foi impiedoso e trabalhou bravamente,
Até que não restasse quase nada.

A pessoa dos 21 levou consigo o que eu mais tinha de precioso em mim: a fé.
A fé nas pessoas,
A crença de que todos guardam algo de bom em si.

A mulher de 30 abalou meu amor mais puro,
O amor que não espera nada em troca,
Nada além de compreensão, puxões de orelha
E colo.

Todas as vezes que levaram algo de mim,
Levaram também pedacinhos do meu coração.

Por tempos, em diferentes épocas, eu só conseguia sentir um grande vazio.
Sabe aquele vazio que te consome?
Aquele que não te deixa sentir nada?
Quando nem medo mais você sente?

Mas aí vieram as pessoas que reconstruíram,
Que pegaram na minha mão,
Beliscaram meu coração e me fizeram sentir.

Apesar de cada pessoa, na minha curta vida, ter reclamado para si um pedaço de mim, eu segui.
Fui em frente, conquistando, em cada novo encontro, partes de mim.
Partes que eu nem sabia que existiam,
Partes lindas, que me trouxeram mais do que alguém já tomou.

O cara de 33 anos me deu o maior amor do mundo,
A garota de 20 deu apoio, me ensinou, puxou minha orelha, se levantou e me levantou,
A mulher de 28 me deu colo, me restaurou a fé,
O rapaz de 17 me deu um sopro de ar fresco, me mostrando que existem pessoas dignas de confiança.

O cara dos 29 me devolveu a alma,
Enquanto a mulher, para mim, sem idade, me mostrou que existe justiça, fez justiça
E a loira que trabalha com nomes me entregou a confiança no universo.

E é por todas essas pessoas, que hoje estou aqui,
Que sigo buscando algo a mais da vida,
Entregando tudo que eu tenho,
Mesmo sabendo que alguém pode tirar algo de mim, me fazendo me perder na falta dos meus pedaços.

A cada pessoa que leva de mim, existem três por aí para me devolver,
Entregar,
Restaurar.

Me reinventar.

Comments

comments

You Might Also Like

No Comments

Comente