Colaboradores Não categorizado

Uma Gota de Vida…

Oie gente, tudo bem?

Hoje venho falar sobre um assunto diferente, há mais ou menos três meses fiz a primeira ação na qual me senti muito bem, fiz uma doação de sangue, e foi uma das melhores sensações que já tive! Sempre tive vontade de doar, mas não tive oportunidade e nem coragem antes.

Não vou negar que estava com um medinho (ou muito medo) de doar por ter um histórico não muito bom com agulhas (vacina). Já fazia dias que estávamos marcando de ir, enfim, finalmente fomos, chegamos lá e preenchemos um cadastro após isso esperamos para sermos chamadas.

Quando chegou a minha vez estava um tanto quanto apavorada, mas foi tudo bem. Antes de doar temos que fazer uma triagem(questões para ver se está “bem” com a saúde e apto a doar) e depois a doação. No momento em que estava doando me senti tão leve e bem, parecei que todos os meus problemas haviam desaparecido, é uma sensação  inexplicável que só quem doa vai saber.

Além de falar um pouco sobre essa primeira experiência, quero mostrar que ainda vale a pena lutar e acreditar por um mundo melhor

Mostrando outro lado dessa realidade, no dia Mundial do Doador de Sangue (14 de Junho) o Ministério da Saúde lançou uma campanha para aumentar o número de doadores em nosso país, atualmente 1,8% da população doa sangue mais que o estipulado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) que é 1% da população. Mas com as férias e época de festas o número de doadores diminui bastante. Para ser doador é bem simples é preciso ter entre 16 e 69 anos e pesar pelo menos 50 quilos, no dia da doação, o doador deve estar descansado e não pode ter ingerido bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores, além de apresentar a carteira de identidade; Uma doação pode salvar até quatro vidas, e não leva nem 1 hora!

Para mais informações acesse : http://www.brasil.gov.br/saude

Ou procure o hemocentro mais próximo de você.

Beijos, até o próximo!

 

Comments

comments

You Might Also Like

No Comments

Comente