Browsing Category

Estilo

Colaboradores Estilo

10 dicas de como cuidar dos cabelos crespos e cacheados

Hey gente, tudo beleza por aqui? Pra quem não me conhece ainda, o que eu acho um desaforo, já que escrevo aqui tem quase um ano, brincadeiras a parte, sou Vanessa Pérola. Tenho um canal no Youtube e Instagram onde falo sobre cabelos cacheados, minha segunda paixão, depois de escrever, claro!

Resolvi trazer um pouco do mundo cacheado para você, que pode estar querendo mudar o seu cabelo, assumir sua identidade cacheada e talvez não saiba por onde começar. Afinal, são muitas, as informações que lemos e ouvimos por ai.

Primeira coisa que você precisa saber é que os cabelos crespos e cacheados são mesmo mais secos que os outros tipos de fios. Isso porque o formato em espiral, nossas famosas molinhas (pra quem tem o cabelo na textura 2 a 3abc, explicarei isso em outro texto) dificulta a chegada da oleosidade natural produzida na raiz às pontas. Sem essa película oleosa, o cabelo perde mais facilmente a hidratação. Então, os fios podem ficar ressecados e quebradiços.

Mas, eu sou uma pessoa que quer facilitar a sua vida, e por isso listei 10 dicas de como cuidar dos seus cabelos, se eles forem crespos, cacheados e ondulados, ou essa mistura toda – pode acontecer.

  1. Pente de madeira para evitar aquele frizz né miga?

O pente de madeira é antiestático e, por isso, previne o aparecimento de frizz.

  1. Pelamor, nada de esfregar a toalha em seus cabelos após a lavagem;

Isso pode deixar seus cabelos ressecados. Use uma toalha de microfibra ou aquela camiseta velha do boy, mas tem que ser de algodão. A técnica é conhecida como plopping.

  1. Desembarace os fios ainda molhados;

Pentear os fios secos contribui para que o cabelo fique volumoso, porém pode quebrar muito seu cabelinho. Penteie o cabelo apenas quando ele estiver molhado, combinado?

  1. Cronograma capilar ajuda a recuperar anos de fragilidade do cabelo;

Leia mais sobre o cronograma capilar. Nele, você terá uma ideia de como usar máscaras hidratantes, nutritivas e reconstrutoras para ter fios bonitos. Fazendo um resumo, é basicamente assim: a função da hidratação é repor a água e umidade dos fios, trazendo o efeito de maciez, maleabilidade e suavidade para os cabelos. Pode ser feita com máscaras hidratantes ou com a polpa de algumas folhas ou frutos como, por exemplo: Babosa (Aloe Vera) e Polpa de Abacate.

A nutrição ou umectação como também é conhecida, é feita para repor os lipídios, ou seja, a gordura e oleosidade dos fios. As máscaras nutritivas trazem em sua fórmula óleos vegetais; manteigas vegetais; ceramidas; tutano vegetal ou animal.

A reconstrução capilar é feita para repor a massa e queratina do fio, ou seja, é feita para fortalecer os fios, devolvendo a massa, proteína e aminoácidos, que podem ser perdidos naturalmente ou nos processos químicos. As máscaras de reconstrução possuem em sua composição queratina, creatina, arginina, cisteína, colágeno, proteína hidrolisada e aminoácidos.

Obs.: informações vide: Cabelo de Rainha.

  1. Nada de água quente em seu cabelo;

água quente leva embora a oleosidade natural do cabelo. Você pode, assim como eu, amar banho quente, mas esse é um dos erros mais comuns na hora de cuidar dos fios. Tome banho com água morna ou fria para evitar o problema. Ou lave o cabelo separadamente, eu faço assim.

  1. Leave-in acaba com o frizz;

Após o banho, aplique um leave-in. Uma dica bem básica que evita o frizz. É que o produto cria uma película em volta do fio e evita que o cabelo entre em contato com a umidade.

  1. Fitagem para cachos definidos;

Aposto que você já ouviu falar sobre a fitagem. Ela é uma das técnicas de finalização mais usadas pelas mulheres cacheadas. Aplique um pouco de creme no cabelo e enluve mecha a mecha com o produto. Cada “fita” formará um cacho. Deixe secar naturalmente e amasse bem pois esse processo é que vai definir.

  1. Protetor térmico: proteção garantida;

Se for não tem paciência e quer secar logo o cabelo usando secador com difusor, aplique um protetor térmico em todo o comprimento. Ele evitará que os fios fiquem ressecados.

  1. Difusor para não desmanchar os cachos;

Falando em secador, é importante saber como usa-lo para não perder seus cachos e sentir que ele alisou durante o processo de secagem. Para isso, não deixe de encaixar o difusor no bocal do aparelho antes. O acessório distribui o ar e evita que o jato de vento desmanche os cachos. Pra continuar com a definição, joga a cabeça pra baixo e finaliza. Se joga, literalmente!

  1. Encare a transição capilar;

Se você é do tipo que fez alisamento há muito tempo e nem lembra mais como são seus fios naturalmente e agora decidiu voltar a ter cachos, serei obrigada a lhe dizer que você precisará passar pela transição. Que nada mais é que deixar os fios crescerem naturalmente, sem aplicar novamente a química. Mas, é bom se preparar: os fios ficarão com duas texturas até que seja o momento de dar o próximo passo, o big chop, como é conhecido o corte em que você tirará toda a parte do cabelo que possui química.

Então meninas, é isso! Teria muito mais coisas para escrever aqui, mas o post iria ficar imenso e quem sabe eu não escrevo novamente sobre os nossos cachos? Bom, comenta aqui embaixo se você gostou desse tipo de post, pra que eu tenha ciência se estou no caminho certo.

Beijos!

Contos e Crônicas Cultura Decoração Estilo Feminismo Fotografia Livros/Frases Moda Música Pensamentos Séries/Filmes Superação

RESULTADO DA SELEÇÃO

Se você achou que eu esqueci da seleção, está enganadíssimo, bebê!
Dentre as centenas de e-mails que recebi (que felicidade!), consegui o que eu mais queria: montar um time incrível para o Vigor Frágil e correr, junto com você e seu apoio, para fazer crescer ainda mais o blog e, em consequência, nosso time: vocês!

O prazo expirou ontem e, ontem mesmo eu comecei a enviar resposta a todos os selecionados e hoje finalizei (porque sempre tem aqueles que deixam pro último minuto, literalmente.
Cheque seu email se você participou da seleção de colunistas do Vigor Frágil!

LISTA DOS SELECIONADOS

Tayná Bottino
Regiane Medeiros
Juliene Anselmo
Amanda Souza
Joanderson Oliveria
Stephanie Almeida
Caroline Maestrello
Larissa Correia
Raquel de Pávoas
Rebeca Ferreira
Emanoel Freire
Mariana Lira
Mayara Cavalcante
Deborah Sequeira
Mariane Schiming
Joana Maria
Isabella Santiago
Suzana Sobral

Feminismo

O DIA EM QUE SAÍ DE CASA SEM SUTIÃ

IMG_20170516_154944_315

Foi bem assim que eu saí! E aí, qual sua opinião? Aproveita e me segue no Instagram!

Hoje eu saí de casa sem sutiã.
A minha cidade natal é interior do interior.
Precisei ir ao centro e você precisa entender que a vida se concentra no centro da cidade.
Lojas, escritórios, teatros, lanchonetes, cartórios, é o elo que liga algumas escolas aos bairros e etc.

A forma como as pessoas me olhavam, foi bizarra.
Eu estava me sentindo absolutamente confortável.
Blusa de frio e sem sutiã.
Nada de malha.
E nem se fosse.

Algumas garotas me olhavam, cutucavam a colega e soltavam risadinhas.
Outras se sentiam indignadas e me olhavam com muito julgamento.
Os homens tinham olhares nojentos.
Pareciam que nunca tinham visto seios por cima de uma blusa.
Imagina esses pobres coitados olhando um seio grande (os meus são pequenos) e bonito pessoalmente e sem nada pra atrapalhar?
Coitadas das mulheres que receberem esse olhar.

Eu não entendo o motivo disso chocar tanto a sociedade!
Já andei sem sutiã pelas ruas do Rio e pareceu que eu nem existia.
Era um ser humano apressado como qualquer outro.

Quando era mais nova, eu amava usar sutiã, justamente porque não tinha muito peito, mas hoje eu me sinto bem com essa parte do meu corpo, é proporcional ao resto, a quem eu sou.
Não deixei de usar sutiã pra chocar ou aparecer.
Comecei a ter incômodos que passaram a uma alergia bizarra e, agora, minha pele queima quando eu uso.

E sabe?
Eu não gosto mais de sutiã, eu não preciso dele, eu me sinto bem sem ele.
E sabe a sociedade julgadora?

FODA-SE!
É O MEU CORPO E COMO EU LIDO COM ELE!

Fotografia Moda Superação

Autoestima: complexo de ser magra

Sempre tive complexo por ser magra.

Me lembro de uma época em que eu pesava 28 kg e eu tinha 11 anos de idade. O peso médio para meninas dessa idade é de 35 kg (sim, eu pesquisei). Sempre me alimentei bem (hoje em dia não exatamente), principalmente nessa fase criança-adolescente. Comia de tudo, desde verduras, carnes, carboidratos (vários em uma refeição só, inclusive), proteína, leite e vitamina de frutas. De acordo com que fui crescendo, vi todas as meninas da minha sala e da minha escola (que era gigante, beijos EMIMA) encorparem, ficarem bem gostosas, bem no estilo que eu queria ser, mas eu parecia ter o mesmo corpo de uma das meninas de 09 anos.

Para piorar a minha tristeza, meu irmão me dava apelidos maldosos, que sabia que me afetaria, o que só fazia com que eu odiasse ainda mais o meu corpo. Os anos foram passando e eu não posso dizer para você que mudei muito. Algumas pessoas me falam, como uma espécie de elogio, que eu deveria ter sido modelo (não, eu não tenho altura, só magreza mesmo). Outras dizem que aparento ser muito mais nova do que sou (aos 20 anos, uma senhora disse que eu parecia ter 15; aos 22, 17). Continue Reading

Fotografia

Fantasia de carnaval de última hora!!!

Oi gentiisssssss!!!

Vi váááários posts antes do carnaval por aí, com fotos lindas e maravilhosas e supermaquiagens, todas vindas do Pinterest e feitas por profissionais e de difícil acesso e/ou confecção. Entããão, tô aqui pra te ajudar!

Se você resolveu passar o carnaval fora de última hora ou já está aí curtindo a folia, mas faltam ideias para os últimos dias, eu saí por aí, em um bloquinho bem legal no RJ (Marcha Nerd) e acabei fotografando alguns looks, fantasias e concepções bem legais pra vocês fazerem a própria versão dessas fantasias.

Tem coisinhas simples, como brusinha e maquiagem, e coisas mais trabalhadas.
Meninas, meninos, casais e crianças, usem a imaginação e se divirtam!!!

PS: as imagens foram tiradas do meu celular, com pessoas reais e em movimento, o que justifica a qualidade.
Se utilizar alguma, favor dar os devidos créditos.
Se estiver na foto, comente (ou peça para tirá-la do ar).

20170226_172205 20170226_172025 20170226_171845 Continue Reading